2

História da Giovana

Eu sou Fabiana, 29 anos, mãe da Giovana de 10 meses. Moramos na zona norte de São Paulo. Com três meses de idade ela foi internada por 5 dias na UTI do Hospital São Luiz Anália Franco e posteriormente foi diagnosticada a alergia. Desde então, foi inscrita no programa AME Maria Zélia e vinha recebendo a fórmula infantil especial NEOCATE e encontrava-se sem nenhum sintoma alérgico. Recentemente o governo disponibilizou um produto concorrente para a mesma finalidade, o AMINOMED. Após introdução desta fórmula, que diziam ser similar ao Neocate, todos os sintomas da alergia voltaram: diarréia líquida, tosse, secreção, dermatite atópica, vômitos e barriga estufada.

Levei minha denúncia a todos os órgãos competentes, possíveis e imagináveis. Inclusive já entrei na justiça através da defensoria pública, o juiz deu causa ganha, mas até agora, nada de me fornecerem o leite.

Eu tinha como última alternativa internar minha filha, porque no hospital com certeza teria neocate pra dar pra ela, a minha preocupação seria a contaminação, já que a imunidade dela está baixa.

Sabe, parece que em certos momentos da nossa vida, tudo acontece de uma só vez, chega a me faltar o ar as vezes. Mas quando eu olho pra Giovana, vejo que através dela Deus está falando comigo. Ela tinha todos os motivos do mundo pra ser a criança mais chorona, pelo contrário, já acorda com um sorriso lindo estampado no rostinho…. isso é o que dá forças.

Eu sinto até vergonha de relatar isso, mas houve noites que cheguei a dar paracetamol pra minha filha dormir, pois chorava de fome e eu não tinha o que dar. Esta semana ganhei 2 latas de neocate e estou fazendo dele ouro, mas já está no finzinho. O problema tem que ser resolvido pela raíz, não dá mais pra esperar!!!!

Estou lutando pra minha filha sair do quadro de desnutrição e pra que eu não precise mais dar antibióticos e corticóide pra ela. É dificil porque vários alimentos também provocam reação alérgica e só é possível detectar por eliminação: comer pra ver no que vai dar. Só que cada vez que ela entra no quadro alérgico, são, na média, 5 dias pra conseguir estabilizar. Quando ela melhora, fico até com receio de introduzir qq coisa diferente.

Estou muito angustiada. Tem dias que não tenho nem vontade de sair de casa.
bãozinho,
Fabi e Gigi.

RELATOS DE MAMÃES QUE PASSAM POR TUDO ISSO- POSTADO CONFORME AUTORIZAÇÃO DA FABI

2 comentários:

Maira disse...

Fico até sem palavras, não tenho o que falar diante da dor dessa mãe.
Vivi vou entrar em contato com uma amiga que talvez possa ajudara com ao menos 1 lata.

Malu contra a ALERGIA ALIMENTAR disse...

Amiga , veja sim , esta mãezinha e de SP é tá precisando muito ..bj

Postar um comentário

Minha Florzinha Crescendo

Guia Infantil